Hospital

hospital / noticias / noticia

Atendidos pelo projeto Amor de Criança celebram o fim de ano com festa

Publicado 28/12/2017 ás 18h12


O projeto Amor de Criança celebrou mais um fim de ano em grande estilo com a realização de uma festa voltada aos atendidos e familiares. Evento, organizado pelos voluntários da iniciativa, aconteceu durante a manhã no novo ambulatório construído e cedido pela Unimar (Universidade de Marília). Na oportunidade, crianças diagnosticadas com paralisia cerebral foram presenteadas com lembrancinhas natalinas.

De acordo com o pediatra Francisco Agostinho Junior, coordenador do projeto, o momento foi de alegria. “A gente fica muito feliz, grato a Deus por estarmos chegando ao fim do ano, observando toda a movimentação em comemoração ao Natal, nascimento de Jesus. Ficamos felizes com a presença das crianças, dos voluntários e com o apoio de sempre da Universidade, através da reitoria que tem dado ao projeto Amor de Criança esse zelo com as crianças com paralisia cerebral. O dia é de alegria, de festa e também de trabalho como sempre. Ficamos honrados com a participação de todos os voluntários, na preocupação de dar a essas crianças uma lembrança, um presente, uma mensagem de Natal para dizer que, apesar do que elas vivem com diagnóstico de paralisia cerebral, elas são amadas por todos, pelos voluntários, universidade e profissionais que aqui trabalham. O dia é de festa e de gratidão a Deus pela oportunidade em poder servir”, destaca.

Agostinho aproveitou a ocasião para agradecer a reitoria pelo novo espaço. “Esperamos usar o prédio com honra em função de todo o investimento que a Universidade fez através do seu reitor, doutor Márcio. Ele se empenhou em construir um espaço físico realmente importante, com notoriedade e carinho, profissional, com zelo e bonito. Então, a gente tem buscado trabalhar de uma maneira que honre tudo isso. Ficamos muito felizes porque as crianças hoje circulam melhor por esse espaço, elas agora têm um lugar para ficar, tem um projeto de sequência de atendimento. Isso é uma manifestação de cuidado. A Universidade realmente presenteou, neste fim de ano, a toda sociedade e especificamente essas famílias e nós, como profissionais, dando esse espaço físico maravilhoso”, avalia.

DEPOIMENTOS / Mãe do Matheus que completou oito anos no último dia 19, Alexsandra Alves da Silva destaca que o projeto é de fundamental importância e que as festinhas auxiliam muito as famílias. “Só de chegarmos aqui e vermos que os nossos filhos são bem cuidados, bem tratados e bem recebidos, é tudo e não só pela lembrancinha que a gente ganha. Um sorriso, um abraço, uma palavra significa muito. Hoje faz oito anos que meu filho nasceu, é aniversário dele, e estamos aqui há oito anos, nessa luta com o doutor. A cada dia que passa, a gente o admira mais. Eu sempre falo que ele é um anjo na minha vida, que Deus enviou para a gente. Todas as vezes que eu precisei, ele esteve para me ajudar, apoiar e cuidar do meu filho. Ele cuidando do meu filho, cuida de mim e do meu marido também”, conta.

Moradores de Adamantina (cerca de 140 km de Marília), Alexsandra e o filho chegam a vir para o projeto até três vezes por semana. “Porque todos os tratamentos dele são aqui, quando precisa, a gente vem. E, se fosse mais longe, íamos atrás. Às vezes o doutor Francisco viaja e o Matheus passa mal, a gente liga ou manda mensagem e ele sempre responde, liga de volta, sempre acessível”, destacou

Alexsandra relembrou ainda um momento crítico, ocorrido no ano passado. “O Matheus estava com alergia, bem no fim do ano mesmo, e começou a passar mal por volta das 23h30. O doutor estava viajando, mas mesmo assim me ligou para saber o que estava acontecendo. Eu pensei ‘esse médico não existe’, porque não são todos que fazem isso. Ele explicou o que fazer e o Matheus ficou bem, graças a Deus. Meu filho já teve problema de rim, tem sonda gástrica e quem cuida é o doutor com amor e carinho. Até na véspera de Natal eu já precisei e ele me atendeu. Chegou a abrir o consultório para atender meu filho. Só tenho a agradecer e que Deus dê muita saúde para ele e para a família para ele continuar atendendo a gente”, concluiu.


Curta / Siga-nos / Assine
  • Coipe esse link para o seu leitor de RSS

Rua: Dr. Próspero Cecílio Coimbra, 80 - Jardim São Gabriel (Cidade Universitária) - Marília - SP, CEP: 17525-160 - mais informações sobre localização

Fone: (14) 2105-4500