Hospital

hospital / noticias / noticia

Francisco Agostinho Júnior é homenageado pela chácara O Circo

Publicado 30/11/2017 ás 23h50


Solenidade realizada na noite de sexta-feira (17) marcou a entrega de mais um troféu ‘Marina Betti Cezar’, homenagem da Chácara ‘O Circo’ para pessoas de destaque em Marília. O homenageado de 2017 é o médico Francisco de Agostinho Júnior, pediatra, que está à frente do projeto ‘Amor de Criança’, mantido pela Unimar (Universidade de Marília) e ABHU (Associação Beneficente Hospital Unimar). “O troféu foi criado há três anos com o intuito de reconhecer o trabalho de pessoas abnegadas e que se dedicam a fazer o bem para outras pessoas, explicou o presidente do Circo, Washington Luiz Tanuri.

Ele explicou que em 2015, a homenageada foi a médica Doralice Marvulle Tan ou doutora Dora, do Gacch (Grupo de Apoio as Crianças com Câncer e Hemopatias) e no ano passado Victor Carlos Monteiro Paiva e Maria Cecília Campos Paiva em reconhecimento ao compromisso social e filantrópico desenvolvido junto à Apae (Associação e Pais e Amigos dos Excepcionais) e à ACC (Associação de Combate ao Câncer). “Na edição de 2017, não poderia ser diferente e todos os integrantes do Circo escolheram o médico Francisco de Agostinho Júnior pelo trabalho significativo que ele desenvolve com crianças com paralisia cerebral através do projeto ‘Amor de Criança’”, explicou Tanuri.

Acompanhado pela esposa, Marcela Beneditti de Agostinho e outros familiares, o médico Francisco de Agostinho Júnior agradeceu aos integrantes do Circo a homenagem. “É com muita alegria e gratidão que recebo essa lembrança. Um prêmio inspirativo que leva o nome de uma mulher que também teve uma vida dedicada ao bem comum, professora Marina Betti Cezar. Agradeço imensamente todos da chácara O Circo por esse troféu, que aproveito para dedica-lo também aos profissionais e voluntários que estão no dia a dia com a gente”, destacou.

PROJETO - Desenvolvido em um ambulatório na Universidade de Marília, o projeto ‘Amor de Criança’ foi criado em agosto de 2013, atende exclusivamente pacientes através do SUS (Sistema único de Saúde) e conta atualmente com aproximadamente 150 pacientes. O projeto conta com recurso humano especializado formado por médicos pediatras, com área de atuação em gastroenterologia, neurologia, pneumologia, ortopedia e endoscopia. Conta ainda com docentes e alunos que integram os cursos da Unimar das especialidades: fonoaudiologia, nutrição, psicologia, farmácia, enfermagem, fisioterapia, odontologia, pedagogia e educação física.

Pesquisa definiu escolha do homenageado

Para se chegar ao ganhador do troféu é realizada uma pesquisa junto à sociedade. Segundo o fundador da chácara, Valdir Cezar, o nome do médico foi uma unanimidade em diversos segmentos consultados. “Desde a instituição do prêmio, usamos esse critério, democrático e que dá chance de celebrar quem realmente se destaca. Doutor Francisco é querido por todos e desenvolve um trabalho principalmente voltado à população mais humilde e não só com os pacientes, mas auxilia também suas famílias, com cestas básicas. Ficamos muito satisfeitos em poder homenageá-lo essa noite”, reiterou Valdir Cezar. Ele revelou ainda que a comissão de pesquisa para a quarta edição do troféu já iniciou a sondagem do nome do próximo homenageado. Valdir Cezar entregou o troféu ao médico acompanhado dos filhos.

Realizada no salão de eventos da Acim (Associação Comercial e Industrial de Marilia), a entrega do troféu da chácara O Circo foi acompanhada por representantes de vários segmentos da sociedade. A Unimar (Universidade de Marília), local onde é realizado o projeto “Amor de Criança” foi representada pela vice-reitora, Regina Lúcia Losasso Serva, pela pró-reitora de Ação Comunitária, Fernanda Mesquita Serva e pelo pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação, Jefferson Aparecido Dias.

“É uma honra para nós da Unimar estar aqui ao lado do coordenador do projeto ‘Amor de Criança’. Na universidade a gente costuma falar que o doutor atua com o coração. Ele está à frente de um projeto multidisciplinar que envolve não só os alunos do curso de medicina, mas também de outras graduações da Unimar. Hoje, com certeza, é uma oportunidade de celebrarmos o trabalho e a dedicação do nosso amigo Francisco”, destacou Fernanda.

Márcia Mesquita Serva Reis, diretora superintendente da ABHU (Associação Beneficente Hospital Unimar), destacou a importância do trabalho desenvolvido pelo médico Francisco Agostinho Júnior. “É uma ação humanitária que é desenvolvida pelo médico, que acolhe as crianças e suas famílias, dando todo carinho e dedicação. E essa atenção traz resultados fantásticos na recuperação dos pequenos, que mostram em seus sorrisos a alegria de estar no projeto”, ressaltou.

“Trabalho com o doutor Francisco há quatro anos e para mim é uma honra e uma alegria. Ele é um mestre, é sinônimo de amor”, revelou emocionada a secretária do projeto, Elaine Gianini. Ela destacou que além do atendimento médico, o ‘Amor de Criança’ atende as famílias dos pacientes através da doação de cestas básicas, donativos, fraldas e leite.

Depoimentos destacam carinho do médico

Mãe de paciente atendida pelo projeto “Amor de Criança”, a dona de casa Mirian Cavalcante, disse emocionada que o trabalho realizado junto às crianças é um presente de Deus. “Não poderia deixar de acompanhar e abraçar o doutor Francisco, ele é como um pai para todos os pacientes. Cuida e apoia todas as famílias. Minha filha está há dois anos e meio no projeto, que conhecemos por indicação de uma pediatra. De lá para cá só tivemos avanço e vitórias”, disse.

“É uma alegria poder ceder o espaço para um evento como esse. Rendo minhas homenagens ao médico Francisco de Agostinho Júnior e aproveito para cumprimentar todos os integrantes da chácara O Circo que estão perpetuando o nome das pessoas que são escolhidas essa premiação”, disse o presidente da Acim, Libânio Nunes de Oliveira, que também marcou presença.

Homenageado em 2016, o contador Victor Monteiro Paiva falou da importância em receber o troféu Marina Betti Cezar. “Sou amigo do Francisco há muito tempo, ele é pediatra dos meus netos e acompanho o trabalho filantrópico e humano que ele realiza. Estou tão feliz como estive no ano passado quando recebi ao lado na minha esposa o troféu. É uma homenagem dos nossos amigos, da nossa sociedade e isso toca o coração de todos”, ressaltou.

Representando o complexo Famema/HC, o diretor geral Valdeir Fagundes de Queiroz também enalteceu a atuação do médico Francisco de Agostinho Júnior. “Tive o privilégio de trabalhar com ele por diversos anos e senti bastante quando ele saiu da Famema para novos desafios, porém a sua saída trouxe novos desafios, como o projeto ‘Amor de Criança’. É uma homenagem justa”. 

Circo: Do esporte à solidariedade

A chácara O Circo conta atualmente com aproximadamente 100 integrantes e teve início há quase 50 anos. “Começou com uma brincadeira do fundador Valdir Cezar e virou coisa séria, sempre com a participação e apoio da sua saudosa esposa e que dá nome a esse troféu: Marina Betti Cezar.  Realizamos eventos sociais todos os anos em apoio às entidades marilienses, o tradicional desfile e baile de carnaval e agora esse reconhecimento às pessoas de destaque na sociedade através do troféu. Somos mais que um grupo de amigos e apaixonados por futebol, somos uma família”, disse o presidente da chácara O Circo, biênio 2016/2017, Washington Luiz Tanuri.


Curta / Siga-nos / Assine
  • Coipe esse link para o seu leitor de RSS

Rua: Dr. Próspero Cecílio Coimbra, 80 - Jardim São Gabriel (Cidade Universitária) - Marília - SP, CEP: 17525-160 - mais informações sobre localização

Fone: (14) 2105-4500