Hospital

hospital / noticias / noticia

ABHU recebe calouros de odontologia e pedagogia durante trote solidário

Publicado 17/03/2017 ás 17h03


A ABHU (Associação Beneficente Hospital Unimar) recepcionou, na tarde do último sábado (11/03), dois grupos de calouros e veteranos dos cursos de odontologia e pedagogia da Unimar (Universidade de Marília). Os alunos participaram do trote solidário, iniciativa da instituição de recepcionar os estudantes de forma lúdica e sem os agressivos e tradicionais trotes realizados em outras épocas.

As atividades começaram por volta das 13h30, quando os alunos da odontologia visitaram os pacientes, sob a orientação da coordenadora Beatriz Flávia Moraes Trazzi, passando dicas sobre saúde bucal e outras orientações importantes para garantir a saúde das pessoas. Já os estudantes de pedagogia entoaram músicas conhecidas sob a orientação do coordenador Marcos Mechan, levando um pouco de alegria e descontração aos internos.

Beatriz Trazzi ressaltou que a proposta do trote solidário foi oferecer aos alunos a oportunidade de participarem de uma atividade lúdica durante a recepção ao novo curso. “Estiveram presentes veteranos e calouros, que puderam aprender um pouco mais sobre a questão da saúde bucal. Eles percebem, já na recepção, o quanto esse setor é importante, principalmente quando as pessoas estão enfermas e necessitam da higiene bucal para manter a saúde”, explicou. As atividades foram desenvolvidas na ala SUS (Serviço Único de Saúde) do HBU (Hospital Beneficente Unimar).

Segundo a coordenadora, essa é uma das vertentes da odontologia que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado de trabalho. “Muitas pessoas ficam 15, 20 ou até 30 dias internadas, se alimentando por meio de sonda ou outros meios, sem que haja uma atenção rigorosa na higiene bucal. Os profissionais de enfermagem fazem isso, mas são os dentistas que têm mais condições de orientar e resolver estas questões”, ressaltou.

Letícia Carlucci, do terceiro ano de odontologia, destacou que esse tipo de iniciativa é muito importante. “Os calouros já iniciam o curso com atividades práticas e lúdicas, entendendo que esse aspecto é extremamente importante no dia-a-dia das pessoas. É uma maneira saudável e muito interessante de recepcionar os novos alunos”, ressaltou.

Já a caloura Caroline Gomes de Souza, que é de Garça, disse que foi surpreendida pela iniciativa. “Eu não imaginava que meu trote seria desta maneira. Fiquei muito feliz ao ter a oportunidade de dedicar alguns instantes da minha recepção na faculdade, compartilhando informações que podem fazer a diferença na saúde das pessoas”, explicou.

PEGAGOGIA – Os alunos do curso de pedagogia levaram entretenimento e descontração para os internos do hospital. Marcos Merchan afirmou que a recepção dos calouros foi uma grande experiência vivida por todos os estudantes. “Por meio da música e outras atividades lúdicas, nós podemos levar descontração e um pouco de alegria aos pacientes. Por outro lado, nós já colocamos os calouros em contato com uma realidade que vai fazer parte da vida deles no futuro, que é promover a educação de adultos”, disse.

Merchan explicou também que por meio da atuação do pedagogo é possível levar mais humanização aos pacientes e promover a descontração deles. “É provado cientificamente que há uma drástica redução no consumo de medicamentos, quando as pessoas enfermas são submetidas a ações de lazer, entretenimento e alegria. E é por isso também que nós estamos aqui”, observou.

A caloura Ingrid Lais Gonzaga de Paula, que é de Marília, disse que foi muito bom ter esse primeiro contato com a faculdade por meio do trote solidário. “É uma alegria muito grande poder fazer parte destas atividades e promover momentos de alegria e descontração aos pacientes. Fiquei surpresa com esse trabalho da faculdade”, ressaltou.

O calouro mariliense Luiz Fernando da Silva também destacou a surpresa como ponto alto do trote solidário. “Fui surpreendido positivamente por esta iniciativa da faculdade. Não esperava que meu trote seria dessa maneira, já beneficiando as pessoas”, concluiu.

A pró-reitora da Unimar, Fernanda Mesquita Serva, acompanhou o trabalho dos estudantes no ABHU e ressaltou o compromisso da Unimar com a formação dos alunos. “Nós procuramos oferecer aos alunos a oportunidade de conhecer todas as vertentes da área que eles escolheram para estudar. A odontologia está diretamente ligada a questão da saúde como um todo e esse primeiro contato já faz com que eles entendam a importância dessa área na vida das pessoas. O mesmo acontece com os estudantes da pedagogia, que podem atuar na oferta de um atendimento mais humanizado aos pacientes que estão internados”, destacou.


Curta / Siga-nos / Assine
  • Coipe esse link para o seu leitor de RSS

Rua: Dr. Próspero Cecílio Coimbra, 80 - Jardim São Gabriel (Cidade Universitária) - Marília - SP, CEP: 17525-160 - mais informações sobre localização

Fone: (14) 2105-4500