Hospital

hospital / noticias / noticia

Hospital ABHU faz orientação específica para motoristas

Publicado 15/03/2014 ás 17h00


Funcionários da Associação Beneficente Hospital Universitário (ABHU) de Marília, participaram de importante encontro de orientação sobre os cuidados necessários ao dirigir automóvel ou motocicleta, seja em ruas ou estradas, como forma de prevenir acidentes com os funcionários do hospital mariliense quando vão ou retornam ao trabalho. “Trata-se de um trabalho de conscientização para evitarmos qualquer tipo de acidente com um dos nossos colaboradores”, disse a superintendente da ABHU de Marília, Márcia Mesquita Serva Reis, ao elogiar o trabalho da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) da entidade mariliense.

Os soldados do 10º Agrupamento do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, Celso Miranda e Marlon Mansano, foram os responsáveis pela exposição do tema junto aos funcionários da ABHU de Marília, que durante quase uma hora comentaram sobre assuntos delicados e sérios, de forma descontraída, prática e reflexiva. “É preciso manter a calma, fornecer o nome e telefone para contato e dizer exatamente o que está acontecendo, ao ajudar num acidade”, disse o soldado Marlon Mansano, ao completar a dica destacando que a informação tem que ser correta se há vítima, número de pessoas envolvidas, conscientes ou não. “Sem contar de fornecer corretamente o endereço e se possível algumas referencias do local”, completou ao apontar o número telefônico 193, como sendo o mais rápido.

De acordo com o soldado do Corpo de Bombeiros, mais de 1,2 milhão de pessoas morrem através de um acidente de trânsito no ano no Brasil. Somente em Marília são 2.100 acidentes considerados graves por ano, com uma média de seis acidentes por dia. “Isto exige um custo de 35 mil reais por vítima não fatal”, comparou ao lembrar que 50% dos casos resultam em trauma raquimedulares. “92% dos acidentes ocorrem por culpa dos condutores”, apontou ao dividir os outros 8% restantes para: 6% por culpa do veículo e 2% por causas da natureza. “Dirigir de modo a evitar o acidente apesar das ações incorretas dos outros motoristas e das condições adversas é a chamada direção defensiva”, ensinou.

Para o especialista é preciso que as pessoas prevejam o perigo, saibam o que fazer e ajam a tempo de evitar um acidente. “Andar com as luzes acessas nas estradas para os carros, sempre para as motocicletas, bem como o uso correto do capacete são algumas das medidas preventivas”, enumerou o soldado do Corpo de Bombeiros ao mostrar filmes e fotos que demonstram a importância dos equipamentos de segurança. “A maioria dos acidentes acontecem por imprudência dos condutores”, reforçou ao pedir para que todos tomassem muito cuidado ao dirigir um automóvel ou uma motocicleta. “Além disso tudo, lembrem-se que é preciso doar sangue constantemente, para que um socorro não deixe de acontecer de maneira completa por falta de sangue, que é muito comum em acidentes no trânsito”, reforçou o soldado do Corpo de Bombeiros.

Para o técnico de segurança do trabalho da ABHU de Marília, Rodolfo Alves Barbosa esse tipo de exposição é importante e deverá acontecer com mais frequência entre os funcionários do hospital mariliense. “Em dezembro tivemos uma funcionária que foi vítima grave num acidente no trânsito”, lembrou ao realizar constantemente campanhas de orientação aos funcionários que são em grande número motociclistas. “Em 2010 infelizmente perdemos um colega de trabalho num acidente com moto gravíssimo”, recordou ao demonstrar preocupação no trajeto dos funcionários da ABHU quando vão ou voltam do trabalho. “A informação é a nossa principal arma para se evitar acidentes em geral”, comentou José Ricardo H. Precioso, um dos responsáveis do Departamento de Recursos Humanos da ABHU de Marília.


Curta / Siga-nos / Assine
  • Coipe esse link para o seu leitor de RSS

Rua: Dr. Próspero Cecílio Coimbra, 80 - Jardim São Gabriel (Cidade Universitária) - Marília - SP, CEP: 17525-160 - mais informações sobre localização

Fone: (14) 2105-4500